quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Simulação Dinâmica (3)

O projecto apresentado é um mecanismo de relógio experimental, a ser produzido por Prototipagem Rápida. Um projecto deste tipo pode ser testado ao nível da dinâmica utilizando o Inventor.


Uma vez que as relações entre todas as engrenagens estão definidas, no ambiente 'Dynamic Simulation', estabelecem-se 'Joints' do tipo '3D Contact' entre todas as peças móveis.

De seguida aplica-se uma força rotacional (torque) na roda de escapamento e define-se a orientação da força da gravidade. O mecanismo, estando correctamente projectado funcionará de imediato. Neste ambiente pode inclusivamente testar-se a temporização do relógio e ajustar o comprimento e o ciclo do pêndulo.
video

terça-feira, 27 de outubro de 2009

Add-Ins para Inventor (3) - Feature Recognition

Os Autodesk Labs apresentam a tecnologia 'Feature Recognition', este add-in é disponibilizado de forma completamente gratuita para utilizadores de Inventor 2010. O objectivo é converter peças de formatos externos em peças do Inventor, através do reconhecimento de operações.


Uma peça em qualquer dos formatos compatíveis com os tradutores do Inventor (mais de 30 formatos possíveis), sem qualquer informação relativa às operações que foram utilizadas para gerar a sua geometria (peça neutra) pode ser convertida numa peça típica do Inventor com uma árvore de operações e respectivos 'Sketches' editáveis.

O procedimento é simples: em primeiro lugar abre-se o ficheiro pretendido. Uma vez que o add-in 'Feature Recognition' está instalado, o software detecta a peça neutra e solicita de imediato se pretendemos efectuar o reconhecimento das operações. No 'Ribbon' podemos ver que existe um novo separador chamado 'Feature Recognition' que reúne os comandos associados a esta função.


Existem dois modos de fazer o reconhecimento das operações. No modo automático - 'Automatic Feature Recognition', o Inventor procurará automaticamente todas as operações a converter por uma ordem específica.

No caso de geometrias mais complexas, ou em casos em que se pretenda uma conversão parcial, será preferível fazer um reconhecimento manual. Deste modo vai-se desconstruindo a peça , operação a operação num procedimento de engenharia inversa.


No final obtêm-se todas as operações e os respectivos 'Sketches' que podem ser livremente editados como numa peça gerada originalmente no Inventor.

A aplicação pode ser descarregada livremente aqui.

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Planificação de Chapa (2)

O Autodesk Inventor é seguramente o melhor software, da sua categoria, para projecto de chapa quinada, possuindo a capacidade única de calcular operações complexas (Contour Flange, Lofted Flange, Unfold temporário, Refold...) .

No entanto, um projectista poderá receber ficheiros 3D que ainda tenham sido executados noutros softwares. O Inventor tem um conjunto abrangente de tradutores que lhe permite abrir, não apenas os formatos 3D standardizados, mas também os formatos mais comuns de softwares alternativos.

Uma peça em chapa quinada projectada em SW, por exemplo, pode ser aberta, e planificada em Inventor. A geometria e as propriedades físicas podem ser personalizadas e utilizadas em legendas de desenhos técnicos, análise FEA e listas de peças.

Ao abrir o ficheiro, na janela 'Open', no campo 'Ficheiros do tipo', selecciona-se a opção 'All files'. deste modo são listados todos os ficheiros que o Inventor consegue abrir e traduzir.

O ficheiro em causa é seleccionado, convertido e aberto numa questão de segundos. Para se obter a planificação da peça em chapa são necessários apenas 2 passos:

1 - Utilizar a ferramenta 'Distance' em 'Tools' para aferir a espessura da chapa da peça importada e o raio de quinagem da mesma. Esta informação é tudo o que o Inventor necessita para calcular a planificação.


2 - Aceder ao comando 'Sheet Metal Defaults', introduzir a espessura de chapa medida no campo 'Thickness', aceder ao menu de configuração 'Unfold Rule' e introduzir o raio de quinagem medido.


A peça pode agora ser planificada, o Inventor gerará ainda a informação da ordem funcional das quinagens. A planificação pode ser introduzida em desenhos técnicos e exportada directamente para máquinas de corte e quinagem CNC no formato .dxf.

terça-feira, 20 de outubro de 2009

Planificação de Chapa (1)

Até à bem pouco tempo, nenhuma aplicação CAD 3D, permitia projectar e planificar uma construção deste tipo. Trata-se de uma conduta cónica em chapa, cuja geometria resulta da transição entre duas figuras complexas - uma elipse e um rectângulo de cantos arredondados. Peças parecidas com esta, são comuns na construção de condutas AVAC.

Para gerar esta forma, criam-se primeiro dois 'Sketches' em dois planos paralelos, separados por uma determinada distância que será o comprimento da peça final.


Tendo-se criado os dois 'Sketches', solicita-se o comando 'Lofted Flange' para gerar uma peça em chapa. Para que o software possa planificar a chapa, será necessário, tal como aconteceria na realidade, existir uma linha de junção. Essa junção é criada, utilizando-se o comando 'Rip'. Em primeiro lugar, cria-se um 'Sketch' numa das face do topo, no qual se desenha um ponto.


Esse ponto é a informação necessária para se gerar o 'Rip'. Depois de executada esta operação, a chapa pode ser planificada.

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Empresas que utilizam Autodesk Inventor (9)


A ODG - Ontario Drive and Gear, é uma empresa especializada na produção de engrenagens, transmissões e acoplamentos de todos os tipos para utilização industrial e em maquinaria diversa. Além destes produtos, a ODG desenvolveu dois veículos todo-o-terreno para utilização profissional e de lazer com seis e oito rodas motrizes (modelos Argo e Centaur).



A ODG definiu o Autodesk Inventor como ferramenta standard de projecto. O módulo de projecto de engrenagens do Inventor permite dimensionar, calcular e projectar todos os tipos de engrenagens disponibilizados pela empresa. A parametrização da informação permite a execução de projectos à medida, executados de forma rápida e validados em termos de resistência.

O desenvolvimento de produtos como os veículos todo-o-terreno da empresa também é potenciado pela utilização do Inventor. Construindo-se protótipos digitais completos, consegue-se avaliar muitos factores, desde a forma exterior, à resistência e dinâmica dos componentes estruturais e mecânicos internos do produto.

Mais informações no site da marca.

quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Utilizar a função Shrinkwrap

Conforme referido num post anterior, a função Shrinkwrap, disponível no Inventor 2010 é muito útil quando se pretende transferir ficheiros 3D simplificados para outros departamentos de projecto ou para o exterior.


No ambiente 'Assembly', o comando 'Shrinkwrap' está na secção 'Component' do 'Ribbon'.
Este comando vai gerar um ficheiro '.ipt' a partir de um ficheiro '.iam'. Depois de activado o comando, na janela 'Create Shrinkwrap Part' introduz-se o nome para o novo ficheiro, o 'Template' (peça sólida ou chapa) e a sua localização.

Na janela seguinte, 'Assembly Shrinkwrap Options', seleccionamos o nível de simplificação da peça a criar.


A nova peça poderá ser um sólido constituído pela fusão de todos os componentes do conjunto, um sólido que conserva a separação entre os componentes do conjunto, ou uma superfície composta.
Pode simplificar-se o conjunto seleccionando a percentagem de peças visíveis, pode optar-se pela selecção das peças por tamanho, pode optar-se pelo preenchimento de furações e de espaços vazios entre peças, podem incluir-se ou não 'Work Features' e 'Sketches' no novo ficheiro, etc.

A nova peça terá a massa correspondente ao conjunto anterior e poderá por isso ser introduzida em protótipos digitais em que a mobilidade mecânica seja dispensável.

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Personalizar Legendas no Inventor (1)

Uma solução muito solicitada por parte das empresas que trabalham com mobiliário é a personalização das legendas dos desenhos técnicos e a colocação de dados personalizados relativos à área bidimensional das peças e às dimensões 'comprimento x largura'.
Esses dados são os que interessam para introdução nas listas de peças e nos softwares de ERP da empresa, uma vez que o custo dos painéis de madeira é definido pela área.

O Inventor permite personalizar as legendas de múltiplas formas, introduzindo esses e muitos outros parâmetros.

1 - No esboço da peça registam-se as dimensões comprimento e largura (neste caso d1 e d2)


2 - Na janela 'Parameters' introduzem-se 3 novos 'User Parameters' - aos quais chamamos 'Area', 'dx' e 'dy'.


Para 'Area' define-se a equação 'd0*d1' e a unidade 'm^2', para 'dx' define-se a equação 'd0' e para 'dy' a equação 'd1' ambas em 'mm'.

De seguida seleccionam-se os 3 parâmetros na coluna 'Export Parameters'.

Estes três parâmetros passam a aparecer no painel 'Custom' em 'iProperties'.

3 - Numa nova legenda de desenho técnico, as propriedades 'dx', 'dy' e 'Area' podem agora ser inseridas.


Na legenda insere-se uma caixa de texto, define-se em 'Type' que o conteúdo do texto será importado das 'Custom Properties', e selecciona-se a propriedade pretendida ('dx', 'dy' ou 'Area').


As 'Custom Properties' de peças podem também ser inseridas em listas de peças de conjuntos.

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Discovery Channel - Doing Da Vinci






São conhecidas as obras geniais de Leonardo Da Vinci. O seu talento revelou-se extraordinário nas artes e nas ciências, com projectos muito à frente do seu tempo e que inspiraram sistemas desenvolvidos na actualidade.

O canal Discovery exibe um programa no qual se dá vida a alguns esboços de Da Vinci.

Os projectos abordados no programa são sobretudo as máquinas de guerra desenvolvidas pelo mestre: uma metralhadora de canhões, o célebre tanque, uma escada de cerco, etc.

Uma vez que os esboços de Leonardo Da Vinci não são desenhos técnicos rigorosos, a equipa de engenheiros teve necessidade de realizar um protótipo digital 3d antes de proceder à construção das máquinas.

A ferramenta escolhida para dar vida aos projectos de Leonardo Da Vinci não podia ser outra - Autodesk Inventor.

Site oficial do programa.

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Empresas que utilizam Autodesk Inventor (8)


Poucos produtos apresentam tanta complexidade mecânica concentrada em tão pouco espaço como os relógios de pulso.

Sediada em Le Locle, na Suíça, a Ulysse Nardin é um dos mais importantes fabricantes mundiais de relógios topo de gama. Os relógios Ulysse Nardin, são reconhecidos pela mecânica inovadora, a marca tem muitas patentes registadas de sistemas mecânicos originais.

Para assegurar o projecto destas soluções exigentes, os engenheiros da Ulysse Nardin apostaram na Prototipagem Digital com o Autodesk Inventor.
Um destes relógios pode conter mais de 400 partes móveis, estas peças têm que ser projectadas com extremo rigor. O Inventor permite gerar as geometrias de forma rigorosa, testar as engrenagens e as articulações entre peças, simular o funcionamento de todo o conjunto, analisar interferências, gerar desenhos técnicos e ficheiros para fabrico, etc. A marca afirma que os seus produtos percorrem agora todo o processo de desenvolvimento, desde o planeamento ao lançamento no mercado em metade do tempo e com menos investimento em protótipos reais.

Consultem estes prodígios mecânicos aqui.